Assine a nossa e obtenha um código de desconto de 10% em carrinho. Fechar

Carrinho vazio

Bandeiras de Sinalização I

03/01/2015 03:17

Hoje queremos dar a conhecer um pouco da sinalização existente dentro dos circuitos. Atenção que as bandeiras são universais mas é normal acontecer variações nas cores e esquemas em casos particulares. No entanto este texto de hoje, irá só abordar as bandeiras mais conhecidos e para nós as mais importantes para quem se está a iniciar.

Bandeiras de sinalização em pista

Infelizmente há quem pense que a sinalização por parte dos comissários através de bandeiras não é importante. Primeiro porque pensam que estas pessoas que se esforçam para que nós tenhamos um dia pleno de diversão, não são mais que adornos e "paizinhos" que temos que aturar. Por outro lado, desconhecem por completo o significado de cada bandeira mostrada e como é mostrada. As bandeiras que iremos abordar neste texto são: verde, amarela, vermelha e xadrez.


Os comissários existem para garantir a segurança de todos nós e as bandeiras fazem parte do protocolo, pois é a única forma que eles têm para comunicar connosco quando estamos em plena "sessão de rodagem" e não podemos perder o foco do alcatrão. Por outras palavras eles são as continas do nosso recreio, avisando-nos dos perigos, repreendendo-nos quando nos portamos mal e dão-nos os parabéns quando fazemos bem e superamos as expectativas.

 

Comissário no posto de observação

As bandeiras são mostradas sempre que há alguma alteração nas condições de segurança de parte ou em todo o traçado. Por outro lado os comissários são os nossos segundos olhos, pois eles conseguem ver antes de nós possíveis perigos no recinto, por exemplo: derrames de óleo, a queda de um companheiro, uma poça de água como também uma operação STOP... calma que isto não é a ponte Vasco da Gama! Todas estas variáveis e outras são sinalizadas por estas pessoas que querem passar despercebidas, mas que sem elas não nos era possível estar em segurança num dia-em-pista. Conseguem fazê-lo através dos diferentes tipos de bandeiras que conservam no seu posto de observação, notificando-nos assim das diversas situações ocorridas durante a sessão.

 

Cuidado que apesar de as bandeiras terem o mesmo significado a nível mundial, pode haver algumas diferenças nas interpretações das mesmas. Perante isto é necessário estar presente na sessão de esclarecimentos para que se saiba exactamente o que fazer em cada mostra de bandeiras.

 

Salientamos que existem dois mundos o da competição e o desta actividade de lazer e recreativa que tanto gostamos. A diferença de mundos leva a que os procedimentos e quando se mostrar as bandeiras possa ser diferente. Existe uma coisa que está à frente da nossa diversão e convívio, a segurança de todos nós e essa é a condição primordial para que um evento deste género seja um êxito.

Bandeira Verde Bandeira de sinalização verde

Esta é aquela bandeira que nós não queremos que mude, significa que está tudo em condições e que podemos desfrutar da condução sem problemas até que haja indicação em contrário.

Normalmente é mostrada no ínico de cada sessão ou então depois de se ter mostrado uma bandeira amarela e/ou vermelha. Quando nós vemos a banderia verde sabemos que o caminho está livre e que enrolar o punho é a ordem.

Bandeira Amarela Bandeira de sinalização amarela

Indicação que algo está mal e que devemos abrandar pois o perigo de carimos ou de magoarmos alguém é elevado. A filosofia de que a "pele cresce e os plásticos não" dentro de um circuito não se aplica.

 

A pergunta que devem fazer é, então quando é que sei que o perigo já passou? Basta que seja mostrada uma bandeira verde ou que não haja bandeiras amarelas a serem mostradas.

 

A título de curiosidade, se esta bandeira fosse mostrada em competição não haveria obrigação de abrandar o ritmo, trata-se de uma bandeira meramente indicativa que o perigo está próximo, serve como alerta e aviso aos pilotos.

Bandeira Vermelha Bandeira de sinalização vermelha

Esta é aquela que não queremos ver!

Na pior situação diz-nos que houve um acidente grave e que compromete toda a segurança dos participantes ou então na melhor das hipóteses é só indicação de que a sessão acabou, tanto numa como noutra situação devemos abrandar o ritmo e seguir em direcção à zona das boxes.

Bandeira de Xadrez Bandeira de sinalização de xadrez

Esta é aquela que nos deixa com um sorriso amargo na cara, sorriso porque nos faz pensar que cruzamos a meta e para os mais imaginativos, imaginar que tiveram a correr e que travaram imensas lutas... aqui o nosso Gonçalo é um desses sonhadores. A parte menos boa desta bandeira é que o recreio acabou e temos que regressar às boxes. 

 

Atenção que esta bandeira é um caso que tem significados diferentes quando se fala de competição ou dia-em-pista, no primeiro caso indica o fim da corrida, no segundo caso significa o fim da sessão e que não houve problemas. No entanto, a maioria das vezes a bandeira de xadrez não é mostrada, mas sim a bandeira vermelha por ser mais visível e perceptível a nós que não temos a mesma experiência e prática que um piloto, mesmo que este seja amador.


Estas são as quatro bandeiras mais conhecidas e usuais, no entanto existe outras com significados específicos para situações particulares, que serão abordadas num próximo artigo.

 

PS: Caso não cumpra com as regras pode ser "convidado" a sair mais cedo do evento e quem sabe ser voluntário à força para uma contribuição generosoa, além de poder ficar inibido de entrar nas instalações nos próximos tempos.

Publicado em Estreantes, iniciados e novatos por

Gonçalo Cabecinhas

Post Comments

Tem que fazer login para publicar um comentário.

Clique aqui to log in

As nossas parcerias